Período de seca aumenta a conta de energia

A estiagem pode afetar o quanto você gasta com energia elétrica



(Foto: cocoparisienne/pixbay)

A maior parte da energia elétrica brasileira é produzida através de usinas hidrelétricas. Sendo assim, o período de seca é o pior momento para essas usinas, já que dependem da água para funcionar corretamente.

A falta de chuvas pode levar ao uso de usinas termelétricas, significando a elevação no preço da geração de energia nos próximos meses. A conclusão é do comitê de monitoramento do setor elétrico (CMSE).

O custo da energia produzida por termelétricas é mais caro que a produzida por hidrelétricas, acionando assim, as bandeiras amarela e vermelha, que significam aumento na tarifa da energia.

BANDEIRAS TARIFÁRIAS




A bandeira verde significa condições favoráveis de geração de energia. Logo, é quando os reservatórios estão cheios e, sendo assim, a tarifa não sobe.

A bandeira amarela demonstra condições menos favoráveis. Portanto, a tarifa sobe mais R$1,50 a cada 100 kWh usado.

Já a bandeira vermelha mostra quando o custo de energia é mais caro e nesse momento, as termelétricas já estão acionadas. Assim, a tarifa sobe mais R$3 a cada 100kWh.

As bandeiras tarifárias valem para todo o país exceto para os estados do Amapá, Amazonas e Roraima, pois esses estados ainda não estão interligados com o sistema nacional de energia elétrica.

 TERMELÉTRICA X HIDRELÉTRICAS


Componentes e processo de uma termelétrica

A termelétrica usa o calor da queima de carvão ou outro combustível fóssil, como carvão mineral e seus gases, petróleo e seus derivados (resíduo viscoso, óleo combustível, óleo tipo diesel; gás associado ao petróleo ou GN) para gerar energia. Esse calor liberado aquece a água em estado líquido que, por sua vez, transforma-se em vapor que movimenta a turbina.

Os impactos ambientais desse tipo de usina são muito grandes. A queima do combustível fóssil, liberado na atmosfera contribui para, além da chuva ácida, com o aumento do aquecimento global.

A hidrelétrica é a mais popular no país. Ela usa a força da água para o movimento da turbina. São construídas barragens em rios, geralmente já encachoeirados. A pressão da água faz o movimento, movimentando a turbina que produz energia elétrica.

Porém, as hidrelétricas também provocam alguns desastres ambientais. Pois, mexer em um rio criando barragens e construindo represas pode inundar muitas áreas ricas em biodiversidade e até mesmo habitadas, mudando muitas vezes os cursos originais dos leitos fluviais, causando problemas em longo e curto prazo.
Edição: Maria Gabriela Zanotti


Comente com o Facebook: